Aos amigos...

...que o tempo nos rouba mas a memória não esquece.
Hoje estremeci perante a notícia triste que li.
Porque queria desejar um dia feliz a um amigo, que como eu, adora abraços demorados e apertados.
Desejo-lhe uma eternidade de felicidades querido Rui.
Nos encontraremos onde as Almas moram e faremos uma festa de arromba.
Até lá, a minha, hoje, chora!

P.S.

Imagem retirada da net
" Com o coração (...) E se não quisermos, não pudermos, não soubermos, com palavras, nos dizer um pouco um para o outro, senta ao meu lado assim mesmo. Deixa os nossos olhos se encontrarem vez ou outra até nascer aquele sorriso bom que acontece quando a vida da gente se sente olhada com amor. Senta apenas ao meu lado e deixa o meu silêncio conversar com o seu. Às vezes, a gente nem precisa mesmo de palavras." Ana Jácomo


Das ausências pouco tenho a declarar, nesta viagem de grandes silêncios, o cansaço tomou-me quase tudo. E hoje, passei por uma primeira vez na Maternidade, o partir da cabeça pequenina e o susto, a pressa e o descarregar os nervos. Tenho saudades de escrever aqui, de ler, do que me faz sorrir. Voltarei quando a alma recuperar.

Um beijo infinito no olhar de quem me lê. 

Dos Infinitos


Na flor da pele traz vestido o arrepio.
No espelho do olhar pode vislumbrar-se no horizonte, um sonho.
Na profundeza da alma as mãos beijam-se.
No canto da boca a palavra torna-se verbo sussurado.

Dos Infinitos



"Podias dizer tanto e tanto que dizes em nenhuma palavra.
Podia dizer outro tanto e tanto mais em uma única palavra.
Podemos desistir de palavras certas e certas palavras irão ainda persistir-nos."

Carta de amor




Esta declaração de amor.
Esta bela história de amor.
Aquela dorzinha nas palmas das mãos.
Fechar os olhos e sonhar, sonhar, sonhar.




J'adore ça



Hoje foi a minha companhia, escolhi-a pela melodia mas acabei por ter de reler esta letra maravilhosa (sou a mais acérrima romântica incurável mas leiga em francês) e render-me outra e outra vez a escutar amor cantado!

Aqui no trabalho ouço só para mim, partilho-a convosco!